Para Sempre, de Kim e Krickitt Carpenter

4 de maio de 2012

Kim Carpenter, um treinador de beisebol, morador do Novo México, é o narrador do livro Para Sempre escrito por ele com apoio dos diários de Krickitt, que conta exatamente toda a história de amor desse casal

É estranho como determinadas histórias de amor começam de uma forma tão estranha e inimagináveis. E é assim que a história de amor de Kim e Krickitt Carpenter começa: com um telefonema para o serviço de compras por telefone de uma loja esportiva e o livro Para Sempre nos mostra toda essa história de amor e superação.

Mesmo morando distante um do outro, os telefonemas passam a ser mais frequentes e a paixão e o amor crescem a cada dia. Cartas fazem parte da comunicação desses dois apaixonados. A vontade de ver pessoalmente transborda até o momento que isso fica inevitável. E esse momento se torna um dos mais felizes na vida dos dois.

O namoro, o casamento acontece. É um amor perfeito, puro que todas as outras pessoas se orgulham de conhecer. Ela passa a morar com ele em Farmington, no Novo México. Mas tudo muda quando ocorre um acidente de carro dois meses após seu casamento, no primeiro feriado de Ação de Graças que iriam passar juntos na casa dos pais de Krickitt. No acidente, ela é que mais se fere e acaba tendo um ferimento na cabeça deixando-a em coma por alguns dias. Quando o amor da vida de Kim acorda, descobre ela tem amnesia e não se recorda dos últimos meses de vida. Ou seja, ela não se lembra do seu marido, muito menos de que é casada. E esse trauma é irreversível

Isso passa a ser desesperador para Kim. E assim começa a luta para reconquistar a mulher da sua vida e despertar novamente o amor dela por ele.

Para Sempre é a história real do casal Kim e Krickitt Carpenter, e que também inspirou o filme The Vow.

Veja também

1 comentário no blog
comentários pelo Facebook

  • Reply Julie 4 de maio de 2012 at 22:45

    Quando li o título do post fiquei toda empolgada pensando que era o Para Sempre da saga Os Imortais. Aliás, vou deixá-lo como dica pra você, caso goste desse tipo de literatura! É um romance divido em 6 livros [não tenho certeza], da Alison Noel. É muito muito bom! 🙂
    Aliás, adorei o post, Karin. Você tem o dom da escrita 😉
    beijinhos

  • Deixe seu comentário