Meu Kindle Paperwhite

1 de novembro de 2014

kindle2

Oi, gente! Em julho passado adquiri meu primeiro e-reader: o Kindle Paperwhite.

Sou uma pessoa que amo livros. Não gosto só de ler, eu realmente AMO livros. Amo esses itens maravilhosos e cheio de mágica. Não é a toa que fui fazer Biblioteconomia.

Desde que foi lançado o primeiro dispositivo, fiquei curiosa em experimentar e saber como é a leitura em um aparelho como esse. Os anos se passaram, o Kindle se desenvolveu, outros e-readers surgiram, e eu ainda não tinha tido a chance de matar a minha curiosidade para saber se valia pena a aquisição de um.

kindle7

Alguns meses atrás minha sogra comprou um Kindle e em uma das minhas visitas ao RJ, finalmente consegui ter a oportunidade de ler um e-book. E vou te contar: curti muito a leitura!

Pronto!!! A partir daí entrou em definitivo para minha wishlist!

kindle5

Quando fui nomeada no concurso público, tinha decidido me dar um kindle de presente (na verdade, acabei me dando 2 presentes, assunto para outro post). Já tinha decidido pelo Kindle por ser uma marca mais antiga e grande precursora dos e-readers no mundo.

Com o modelo já escolhido, esperei sair a promoção de Dia dos Pais. A compra foi feita bem tranquila e o prazo de entrega foi bem rápido.

O modelo do meu e-reader é o Kindle Paperwhite (mais informações nesse link) e o comprei pelo site da Amazon Brasil. Ele vem com um cabo de dados tipo USB e por conta disso não comprei o adaptador de tomada. Qualquer carregador USB funciona para carregá-lo. Um gasto a menos. A capa de couro foi comprada junto. Como será um aparelho que ficará dentro de bolsas e mochilas, achei melhor ter uma para proteger.

kindle4

A ideia do Kindle é poder ler livros em inglês, os livros clássicos da literatura mundial que estão domínio público. Estou muito animada com ele e se transformou em um grande companheiro em meu trajeto casa-faculdade-trabalho-casa. Acabei de ler um livro em inglês nele (Fangirl, da Rainbow Rowell) e curti muito principalmente com o dicionário integrado que me ajudou muito na hora das dúvidas com palavras que eu não compreendia o significado.

Se você se interessou por e-readers e e-books, recomendo que pesquise e teste bastante antes de efetuar qualquer tipo de compra. Hoje há muitos modelos e marcas disponíveis no mercado e o mais legal é que você pode testá-los. Se desejarem posso fazer um post falando um pouco sobre as diferentes marcas.

kindle3

É isso pessoal! Esse post ficou maior do que imaginei, mas se tiverem alguma dúvida, deixe aí embaixo nos comentários.

Se teve interesse em adquirir um, é só acessar a página da Loja Kindle no site da Amazon Brasil.

Até mais!

 Para acompanhar todas as novidades do Prateleira de Cima:
Facebook Twitter Instagram  | Skoob | Youtube | Bloglovin’

Veja também

7 comentários no blog
comentários pelo Facebook

  • Reply Eu li: Fangirl, de Rainbow Rowell | Prateleira de Cima 6 de novembro de 2014 at 16:54

    […] Li o livro em um e-reader. Tenho um Kindle Paperwhite e estou amando a experiência de ler nele. Falei um pouquinho sobre ele nesse post aqui. […]

  • Reply Silvana 14 de dezembro de 2014 at 19:52

    Quando descobri o Domínio Público fiquei tão feliz! Livros clássicos (que eu quase nunca leio) e de graça? Is this a dream? Hahaha. Você já leu algum clássico em inglês? Eu me viro nos YA da vida, mas não tenho o suficiente para ler, vai lá, Moby Dick.
    Eu leio pelo meu IPod, o único problema é o tamanho da tela, por isso queria muito um e-reader. Ah, tenho uma dúvida: quanto tempo em média dura a bateria?
    Só mais uma coisa, se não for incômodo haha: você poderia fazer um post falando sobre o seu curso? Fiquei super curiosa! Eu queria tentar um estágio na biblioteca pública aqui de Curitiba, maas, não sei se aceitam menores de dezoito anos :(.
    Acho que já falei demais haha, beijos.
    fatflyingpig.blogspot.com.br

  • Reply Luciana 24 de fevereiro de 2015 at 10:53

    Oi, Karin. Me diz uma coisa sobre essa case que você comprou: você desliga seu Kindle (no botão mesmo, sem ser a telinha de espera) e fecha a case, ok? Quando você abre essa case seu kindle liga sozinho ou você precisa apertar no botão para que ele ligue? Tô perguntando isso porque também tenho um Paperwhite e recentemente comprei uma capa no ebay (baratinha, uma bem simples). Sempre que desligo meu kindle, fecho a capa e abro novamente, ele liga sozinho 🙁 queria saber de alguém com o mesmo modelo e tipo de capa, se acontecia a mesma coisa. Aguardando sua resposta 🙂 Obrigada!

    • Reply Karin de Oliveira 25 de fevereiro de 2015 at 11:12

      Olá Luciana, tudo bem?
      Eu dificilmente desligo o kindle no botão. Acho que fiz isso umas 2 ou 3 vezes desde que o comprei.
      O que eu entendo é que o kindle dificilmente desliga, ele entra em modo de espera (standby). Igual acontece com um tablet.
      Por exemplo, estou no meio de uma leitura e fecho a capa por algum motivo sem apertar o botão. A tela desliga. Depois, retorno a leitura, abro a capa e ele liga a tela.
      Esse é o comportamento no meu kindle.
      Vou dar uma pesquisada para ver se é normal e depois falo aqui para você.
      Mil beijos

    • Reply Luciana 26 de fevereiro de 2015 at 13:54

      Procurei a capa novamente no ebay e ela é uma “auto sleep/wake”. Isso responde meu questionamento hehe Obrigada! 🙂 Obs.: Adorei seu blog e já tô seguindo no Instagram 🙂

      • Reply Karin de Oliveira 1 de março de 2015 at 11:08

        Luciana, que bom que encontrou!
        Obrigada por tirar a minha dúvida também.
        Mil beijos

  • Reply O que tem na minha bolsa? - Prateleira de Cima 30 de agosto de 2017 at 17:51

    […] A bolsa ideal para mim para usar no dia a dia é aquela que eu me sinta livre, ou seja, aquela que deixa minhas mãos livre. Ou seja: a bolsa mochila, ou a bolsa tiracolo. Em outros momentos, ok usar a bolsa de ombro ou de mão. E para ficar perfeita, ela deve caber um livro de porte médio, ou pelo menos o Kindle. […]

  • Deixe seu comentário