Desafio Literário 2012: Por Favor, Cuide da Mamãe

30 de Abril de 2012

Por Favor, Cuide da Mamãe

Não sei o que dizer o que achei do livro, inúmeras sensações eu tive sobre o  livro. Mas se perguntar algo sobre ele, não saberei responder.

Escolhi Por Favor, Cuide da Mamãe de supetão pela livraria. Já havia visto algumas propagandas sobre esse lançamento em Blogs e no Skoob. E achei que seria legal ler um livro recém lançado (já andava cansada de ler livros antigos). Então caí na leitura (ou quase caí).

Kyung-sook Shin é uma das escritoras mais lidas na Coréia do Sul, ganhadora de vários prêmios em seu país. Por Favor, Cuide da Mamãe é o primeiro romance da autora a ser lançado no Brasil e foi publicado pela Editora Intrínseca. Além do Brasil o livro foi lançado em mais 22 países e já atingiu mais de 1,5 milhões de copias vendidas.

Por Favor, Cuide da Mamãe, conta a história de Park So-Nyo, uma senhora moradora de uma aldeia no interior da Coreia do Sul, que desapareceu na estação de trem de Seul após se perder do marido. Enquanto procuram esta mulher  pela cidade, seus familiares mostram todo arrependimento que sentem por nunca terem apoiado ou dito palavras que demonstrassem todo amor e respeito que possuíam por ela. Na verdade, eles se dão conta que no fundo não conheciam de verdade a mulher que os criou e amou.

O remorso é um sentimento que mais está presente nos 4 capítulos em que o livro é dividido. Contado pelo ponto de vista de dois filhos e do marido, o livro mostra toda culpa que os personagens sentem por nunca terem sido um marido e filhos compreensíveis e agradecidos pela mãe e esposa que tem. Eles recontam a vida e os momentos mais marcantes em sua relação com esta mulher tão dedicada a família, mostrando a fragilidade que há nas relações familiares. Os personagens passam o tempo todo a procura da mãe, indo atrás de pistas do paradeiro desta mulher e descobrem o quanto foram egoístas e não souberam realmente a dar valor ou até mesmo a cogitar a ideia de que Park So-Nyo tinha vontades além das deles.

Com uma narrativa tranquila e doce, mesmo com tantos sentimentos negativos em suas linhas, o livro é quase uma homenagem as mães lutadoras e dedicadas. Havia momentos em que eu me chocava com determinadas atitudes dos filhos e outras me sentia culpada pela relação com minha própria mãe. Por Favor, Cuide da Mamãe faz a gente refletir o quanto não damos atenção aos pequenos gestos e abdicações que nossas mães fazem por nós.

Outro detalhe que me chamou a atenção em relação ao livro é o fato de ele está escrito em 2ª Pessoa. Geralmente lemos livros na 1ª Pessoa (narrador-personagem) ou na 3ª Pessoa (narrador-observador). Porém este foi escrito em 2ª pessoa, o que tornou a leitura inicialmente complicada e confusa, mas logo depois me acostumei. Sinto que Kyung-sook Shin teve uma intenção ao escrever o livro dessa forma, mas não soube identificar nitidamente qual era. Dá a impressão de que há alguém contado a história para os personagens; e por outro lado parece que o que ela quer é colocar o leitor dentro da história como se ele fosse um dos personagens, ou se seja, de que nós leitores em algum momento nos sentimos como os filhos de Park So-Nyo, mal-agradecidos e que já cometemos atos parecidos com os descritos no livro com nossas mães.

Acho que a autora se perdeu um pouco na história a partir do 4º capítulo. Fiquei perdida na narrativa e até mesmo confundia os personagens. Tinha momentos que eu não sabia quem estava falando. Não gostei muito do final e achei que poderia ter terminado de uma forma diferente sem perder a verdadeira intenção da autora. Como disse no inicio do post, não sei dizer se gostei do livro ou não. Tenho a sensação de que foi a melhor leitura do ano até agora, mas tem hora que acho que ele foi uma grande decepção.

Veja também

8 comentários no blog
comentários pelo Facebook

  • Reply Zilda Mara Peixoto 1 de Maio de 2012 at 12:28

    Olá!
    Eu crio tanta expectativa em relação a esse livro. Estou louca para lê-lo.Assim que puder, o comprarei pois a maioria das resenhas que li a respeito falam que ele é muito bonito. Espero gostar da história.Tomara que eu não me decepcione.
    Gostei da resenha e dos pontos desfavoráveis que citou.
    Bjs!
    Zilda Mara
    Cachola Literária

    • Reply Karin 1 de Maio de 2012 at 12:44

      Realmente Zilda, ele é muito bonito. A história é extremamente tocante. Acho uma boa ideia lê-lo para entendermos e avaliarmos exatamente a nossa relação com nossos pais.

  • Reply Naty 1 de Maio de 2012 at 13:20

    Oie!

    Nossa, aodrei a sua resenha! Eu li bastante resenha positiva em relação á esse livro e a sua é a primeira que não se apaixonou perdidamente pela história.

    Eu nunca li um livro na 2º pessoa, que interessante, deve ter sido bem diferente mesmo.

    Beijo;*
    Naty.

    • Reply Karin 1 de Maio de 2012 at 13:27

      Naty, antes de ler o livro li algumas resenhas sem spoilers. Teve uma que criticou o livro de todas as formas. Particularmente eu gostei do livro, mas achava que iria morrer de amores por ele e não foi bem assim. É muito bonito, uma grande reflexão sobre as relações familiares.

  • Reply Desafio Literário 2012 | Prateleira de Cima 20 de agosto de 2012 at 15:18

    […] Por Favor, Cuide da Mamãe – Kyung-Sook Shin – (resenha) […]

  • Reply Phryne 27 de Janeiro de 2014 at 13:29

    Eu nao sei se voce tem costume de ler os livros do Korea, mas grande parte do nossos livros tem esse tipo de forma de escrever para você fazer parte do hiatoria.k Eu gostar muito desse livro. Eu li o original do Korea. Quero ler outra vez em portugues, para fazer exercicio e aprender melhor seu lingua ~^^

  • Reply Sumin 2 de Abril de 2014 at 05:24

    Olá!

    Eu também já li esse livro porque foi muito popular por tanto tempo na Coreia (e eu sou coreana!)
    concordo com sua opinião! esse livro me faz sentir amor dedicado da mãe. Em geral, na Coreia, muitas mães se sacrificam por suas famílias e ahco que o livro retrata desse ponto de vista.
    Eu sou estudante de departamento de português na facudade na Coreia por isso, um dia, queria ler esse livro em português. 🙂

    adorei sua resenha 🙂

    • Reply Karin de Oliveira 2 de Abril de 2014 at 18:53

      Olá Sumin
      Nossa fiquei muito feliz em saber que meu blog tem leitores da Coreia.
      Gostei muito de ler o livro, achei fascinante toda a história e a forma como foi escrito. Obrigado por dizer que foi um livro muito popular em seu país. Adoro saber mais informações sobre os livros que leio.
      Fico feliz em saber que há pessoas de outros países, principalmente asiáticos que estudam a minha língua nativa. Espero te ver mais vezes por aqui, para treinar um pouquinho o português!
      Beijos e até mais

    Deixe seu comentário